PUBLICIDADE



Polícia Visto 186 vezes

Menino de 6 anos morre com tiro acidental

Eduardo Otovies Quadros foi atingido no peito por um tiro de espingarda de pressão.

Uma tragédia foi registrada em Ampére, Sudoeste do Estado, nesta terça-feira (18). Por volta das 12h15, uma criança de 6 anos foi morta com um tiro acidental. O fato aconteceu na residência da família, que fica no Bairro Uassari, por volta das 12h15.

Eduardo Otovies Quadros foi atingido no peito por um tiro de espingarda de pressão. O projétil (chumbinho) acertou o coração. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu. A Polícia Militar registrou a ocorrência. Conforme consta no boletim de ocorrência, um tio e um irmão do menino manuseavam a arma dentro de um quatro. O tio teria disparado em direção a porta no momento em que Eduardo entrava no ambiente.

O fato já está sendo apurado pela Polícia Civil. O delegado Fernando Zamoner informou que após ser comunicado do caso esteve no hospital e conversou com familiares. Também foi até a casa da criança, mas o tio não foi localizado. Segundo ele, testemunhas serão intimidas à prestar depoimento.

Eduardo estudava na 1ª série da escola municipal João do Couto, que fica no mesmo bairro onde residia. Devido ao ocorrido, a direção suspendeu as aulas desta quarta-feira (19). O corpo do menino foi recolhido ao IML de Francisco Beltrão.

Essa é a segunda morte envolvendo criança na região Sudoeste nos últimos dias. No sábado (15), em no interior de Capanema, uma menina de 1 ano e 11 meses morreu afogada. Ela estava com os pais no quintal da propriedade e caiu dentro de um buraco aberto para fazer uma fossa. Os pais plantavam grama e num momento de descuido, a criança foi até o buraco, que estava cheio de água da chuva.

Fonte: PORTAL TRI


Veja também:

ASSINE SPEEDRS


PUBLICIDADES