PUBLICIDADE


Negócios, Notícias Visto 39 vezes

Saiba qual o custo para manter o seu carro;

Em dezembro, os motoristas ganharam mais uma conta com a qual se preocupar: até o fim de 2019, todos os veículos deverão ser vistoriados, no máximo, a cada três anos. O cronograma da inspeção deve ser divulgado pelo Detran de cada Estado até 1º de julho. Ou seja, mais um gasto para entrar na já abarrotada planilha de custos de quem é dono de um automóvel.

A gasolina, principal tormento dos condutores, é apenas um dos gastos com o carro, talvez o mais frequente. Mas a lista é bem mais extensa. Despesas que não são mensais precisam ser divididas por 12 e distribuídas ao longo do ano. Todo mês, e não somente no final do ano, o dono de um veículo está pagando um pouco do IPVA, do seguro e da manutenção, por exemplo. 

— Há gastos que, na maioria das vezes, as pessoas esquecem de avaliar, nem sabem que existem. Um exemplo é o custo de oportunidade, que se deve levar em conta. Se você tem uma garagem em casa onde guarda o carro, o custo de oportunidade dessa garagem é o valor se poderia ganhar com ela case se alugasse. Por exemplo, seriam R$ 200 por mês que se deixa de ganhar — explica o consultor financeiro e palestrante Jaques Diskin.

Preste atenção:

 

Carteira Nacional de Habilitação (CNH)**

O custo vai ficar mais salgado no ano em que o condutor tirar a primeira habilitação, fazer a renovação ou precisar de uma segunda via do documento.

Primeira Habilitação, para a categoria B: R$ 2.095,62, entre aulas e exames

Renovação normal da habilitação: R$ 209,44

Segunda via da CNH: R$ 51,84.

 

**Valores referentes a 2017.

 

Custo de oportunidade

É o dinheiro que deixa de entrar no bolso quando não se aluga a garagem para o carro de outra pessoa (R$ 200 por mês), por exemplo, ou quando não se aplica os R$ 25 mil dados de entrada no financiamento (R$ 125 por mês).

Fonte/ Diário Gaúcho


Veja também:

ASSINE SPEEDRS


PUBLICIDADES