PUBLICIDADE


-

Esportes Visto 216 vezes

Jogador por jogador, veja quem leva a melhor no Gre-Nal 406, confira

Saiba quem são os 11 melhores da Dupla eleitos por colunistas de

Que tal uma equipe formada por Marcelo Grohe, William, Rhodolfo, Alan Costa e Marcelo Oliveira; Rodrigo Dourado, Maicon, D’Alessandro, Sasha, Valdívia e Nilmar? Entre os titulares que devem iniciar o Gre-Nal 406, que definirá o campeão do Gauchão no domingo, a partir das 16h, no Beira-Rio, a vantagem é vermelha segundo a opinião dos colunistas de Zero Hora.

Para Diogo Olivier, Luiz Zini Pires e Wianey Carlet, sete colorados e quatro gremistas figuram entre os 11 melhores da Dupla. De um total de 33 votos, o Inter obteve 20 e o Grêmio ficou com 13. Abaixo, veja o resultado de cada um dos confrontos e saiba quais jogadores podem fazer a diferença e decidir o clássico que colocará em disputa a hegemonia do Estado.

– Alisson 0 x 3 Marcelo Grohe

Luiz Zini Pires: Goleiro de Seleção, o gremista é um dos melhores do país. O outro é revelação.
Wianey Carlet: Grohe é mais experiente e, neste momento, é superior ao Alisson.
Diogo Olivier: Empate amplo, geral e irrestrito. Os dois estão em ótima fase. Vou pela experiência: Grohe.

– William 3 x 0 Matías Rodríguez


Luiz Zini Pires:
Um experiente contra um jovem. Fico com o segundo, mais qualificado no apoio.
Wianey Carlet: William dá maior contribuição ao ataque. Está acima de Matias Rodríguez.
Diogo Olivier: O colorado é mais completo. Matías quase perdeu a posição para Ramiro.

Ernando 0 x 3 Rhodolfo

Luiz Zini Pires: O primeiro tem melhor colocação e impulsão. É parte do melhor setor da equipe.
Wianey Carlet: Rhodolfo é um dos melhores zagueiros do Brasil. É melhor do que Ernando.
Diogo Olivier: O zagueiro do Grêmio mantém o alto nível desde o Brasileirão. Nome indiscutível.

Alan Costa 2 x 1 Erazo

Luiz Zini Pires: O equatoriano é titular da seleção do seu país, o brasileiro é reserva no seu time.
Wianey Carlet: Mesmo sendo de seleção, Erazo tem um pecado grave: é lento. Alan Costa é mais completo.
Diogo Olivier: O equatoriano alterna lances de Copa América e Copa Paquetá. Prefiro a eficiência sem brilho de Alan.

Geferson 0 x 3 Marcelo Oliveira

Luiz Zini Pires: O colorado tem futuro. O gremista foi um dos destaques do último Gre-Nal.
Wianey Carlet: Geferson está recém iniciando. Marcelo Oliveira já tem um bom pedaço percorrido, é melhor.
Diogo Olivier: Marcelo Oliveira jogou mais vezes mantendo o padrão. Geferson precisa mais sequência.

Rodrigo Dourado 3 x 0 Fellipe Bastos

Luiz Zini Pires: Outra vez a experiência encontra a juventude. Dourado marca e passa melhor.
Wianey Carlet: Rodrigo Dourado é superior a Fellipe Bastos em todos os quesitos.
Diogo Olivier: Dourado marca forte sem falta e troca passes. Fellipe só é titular pela lesão de Ramiro.

Aránguiz 1 x 2 Maicon

Luiz Zini Pires: O chileno não é o mesmo atleta de 2014, mas ainda é jogador de seleção.
Wianey Carlet: Preocupando-se apenas em jogar, Maicon é melhor do que Aránguiz.
Diogo Olivier: O chileno tem grife, mas recém volta de lesão. Maicon está melhor.

D’Alessandro 3 x 0 Douglas

Luiz Zini Pires: Entre os canhotos, o argentino, jogador símbolo do Inter, é superior em tudo.
Wianey Carlet: D´Ale é uma liderança em campo. O Grêmio se preocupa muito com o argentino.
Diogo Olivier: O argentino é o cérebro do Inter. E ajuda a marcar, o que Douglas nem sempre faz.

Sasha 3 x 0 Giuliano

Luiz Zini Pires: O Grêmio ainda espera o futebol de Giuliano. Sasha é o melhor atacante do RS.
Wianey Carlet: Sasha tem sido mais efetivo. Ataca, marca e arma. É o melhor entre os dois.
Diogo Olivier: Taticamente, fundamentais: marcam gols, abrem espaço e recompõem. Sasha, na margem de erro.

Valdívia 2 x 1 Luan

Luiz Zini Pires: Empate técnico entre o número 1 tricolor e a revelação do Beira-Rio. Mas o momento de Valdívia é melhor.
Wianey Carlet: Luan tem um pouco mais de experiência. No momento, está um pouco acima de Valdívia.
Diogo Olivier: Pelo momento, o atacante do Inter está  melhor. Mas é páreo duríssimo.

Nilmar 3 x 0 Braian Rodríguez

Luiz Zini Pires: A disputa mais desigual entre um jogador que faz gol (Nilmar) e outro que não faz (Braian).
Wianey Carlet: Ambos tem dificuldade em marcar gols. Mas Nilmar é mais técnico e agressivo. Impossível comparar.
Diogo Olivier: A escolha mais fácil: Nilmar. Braian mal consegue tocar na bola no Grêmio.

Fonte ZHESPORTES


Veja também:

ASSINE SPEEDRS


PUBLICIDADES

-