PUBLICIDADE


Solenidade marca o início das obras do Centro Cultural

Para quem sempre sonhou em ter em Frederico Westphalen um espaço destinado a atender demandas da classe artística, sediar eventos e ser oferecido à população em geral, o ato simbólico de abertura das atividades para o início das obras de construção do Centro Cultural e de Desenvolvimento Social da Cufa, realizado na tarde desta terça-feira, 14, é um marco importante já que é o pontapé inicial para ver uma demanda histórica do município ser concretizada. 

O projeto, elaborado pela Cufa-FW, junto a uma rede de parceiros e colaboradores voluntários, foi aprovado em julho deste ano pelo sistema Pró-Cultura RS, via Lei de Incentivo à Cultura, da Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer e pelo governo do Estado do Rio Grande do Sul e deve atender o público de FW e região.

Prestigiaram a solenidade o assessor especial do governador José Ivo Sartori, Roberto Fantinel; a representante da Secretaria Estadual de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Susan Maciel; o presidente da Câmara de Vereadores de FW,  Jacques Douglas de Oliveira; representando a empresa Arbaza Alimentos, Leonir Ângelo Balestreri Junior e Vilnei Giacomini, e a vice-presidente da ACI/FW, Simonia Gonçalves de Oliveira. Também participaram demais autoridades locais, regionais e representantes das comunidades onde a Cufa/FW atua.

Na solenidade, os parceiros da entidade novamente estiveram presentes no ato que marca o início das obras. Segundo o coordenador da Cufa/FW, Roberto Torres Junior, esse passo é muito importante para a ONG. “Para nós, este é o início da realização de um sonho. São nove anos de Cufa e estamos muito felizes em ver essa caminhada até então. Também é uma reinvindicação da classe artística. Este será um espaço público também para a realização de esporte, capacitação profissional e estamos muito emocionados com essa conquista, que não é só da Cufa, mas de muitas pessoas que acreditaram. Começamos a correr atrás desse projeto há uns quatro anos e até chegar aqui foram muitas pessoas que acreditaram e aos poucos, juntos, vamos fazendo esse sonho virar realidade. Pensar que a Cufa vai ter um espaço para atender a comunidade local e regional, com tanta qualidade, é algo que motiva muito para que continuemos buscando, cada vez mais, outros projetos como este”, ressaltou.

Ainda, segundo ele, o projeto também vai movimentar a economia local já que todas as empresas que irão prestar serviço são de FW. Esse é um investimento de cerca de R$ 500 mil que vai ficar no município.

Fonte / Jornal O Alto Uruguai / Letícia Waldow


Veja também:

ASSINE SPEEDRS


PUBLICIDADES